Buscar
  • ACP CURITIBA

RELATO Dei o cu pro meu GENRO

Confira nesse POST conosco do ACOMPANHANTES CURITIBA ( Relato de uma SOGRA que deu o CU pro GENRO )


Acompanhantes Curitiba

RELATO Eu vi meu genro comer o cu da minha filha e dei pra ele

No almoço só penso no que acabei de fazer, traí meu marido, a melhor coisa que já fiz com um cara de 20 anos, adorei. Zé Neto me ajudou a colocar o prato na pia depois do almoço, me comendo com os olhos, quando estávamos só nós, ele se inclinou no meu ouvido e disse:


-Já que a mãe das outras não quiseram me dar o cu, vou comer o da Andrea porque ao contrário da mãe, ela gosta;

Estou com ciúmes e raiva pois esse garoto ia foder 3 nessa casa no mesmo dia.

Depois do almoço Andrea disse que pegaria carona com Ze neto até o centro para resolver alguns problemas e eles se encontrariam depois que ele saísse da aula, eu sei que era uma brincadeira, eles aproveitariam para fazer sexo na casa dele ainda mais que Andrea tomou banho antes de sair, ela estava colocando calcinha fio dental branca, uma roupa nova quando eu fui para o quarto falar com ela, no quarto estava colocando uma calcinha fio dental branca, um conjuntinho novo, me perguntou o que eu achei? Simplesmente fiquei excitada!

Às 21h30, minha filha voltou, o Zé deixou ela em casa, mas não desceu, estávamos todos no mezanino, na sala de TV, ela veio e se levantou, pedi para ela sentar, mas disse ela que queria tomar banho e dormir. Ela entrou no banheiro e eu corri atrás dela, desesperado para que ela me dissesse alguma coisa, mas ela não disse nada, minha filha tem 18 anos e ela é muito bonita, e quando fui colocar as roupas no cesto para lavar, percebi que a calcinha dela estava manchada de sangue, principalmente porque a calcinha era branca, me deu certeza que estava sendo enrabada, Zé Neto realmente fodeu a bunda dela, e aí eu perguntei se eles não queriam ir pra Estância comigo, fim de semana, porque meu marido fez muita cirurgias recentes, Janice e o namorado fizeram aniversário, a mais nova aceitou ir à praia com os pais de uma amiga, ela me disse que tinha que perguntar ao Zé se ele queria ir, ela me ligou depois do banho dizendo que eles concordaram desde que pudessem dormir juntos, eu não tive escolha. Rsrs


Sexta-feira, dia de ir para a estancia, depois da escola pegamos a estrada, almoçamos no caminho para ganhar tempo, Zé e Andrea vão para a faculdade, eu vou para a fazenda, compro preparatórios, pago o casal de funcionários e por volta do meio-dia vamos nos encontrar, almoçar e sair.


Eles chegaram e eu tinha o almoço pronto e a Andrea foi para o banho e voltou com um vestido curto estampado, ela estava linda, o pai dela reclamou que eles iam sair porque o vestido era muito curto e ele estava louco de ciúmes, ela disse que o tempo estava quente e para ele parar de ser chato. Almoçamos e depois fui tomar banho e escolhi uma calcinha que não uso o tempo todo e uma saia curta que não era tão curta quanto a dela, meu marido me olhou e reclamou mas eu não importava, Zé, o contrário do que eu pensei , estava de bermuda e camiseta.

Ao sair, deixei Ze neto dirigir com Andrea ao seu lado, sentei no meio do banco traseiro da van com o ar condicionado ligado, pegamos a estrada e vi o espelho retrovisor do carro de frente para Zeneto enquanto ele ajustou o espelho para mim, estávamos ouvindo música alta, cantando, e eu olhei para a mão dele, a mão dele estava no colo da minha filha, e eu pensei que se eu adormecesse ele passaria a mão na buceta dela, e eu fingi estar dormindo. Então finjo dormir, abro as pernas e ele endireita o espelho exatamente para minhas pernas e eu abro mais as pernas e por fim coloco as mãos na saia e imagino aquela cena, ele deve estar de pau duro porque logo Andrea colocou a mão no colo dele. Caminhamos até o posto de gasolina no meio do caminho onde Andrea foi buscar algumas garrafas de água, ele sem pensar 2x me disse


– ‘’ Eu amo a calcinha branca da minha sogra ‘’


Não falei nada, mas quando a Andrea voltou falei que aproveitaria para fazer xixi, peguei minha bolsa e fui ao banheiro tirar a calcinha e ele teria uma surpresa. Voltei para a van e minha filha me perguntou se eu queria sentar na frente, eu disse que ficaria no banco de trás, bebemos água, então Andrea adormeceu, era hora de me provocar, e eu puxei minha saia, deixei minhas coxas abertas. Atuando, abri as pernas, abri e fechei as pernas quando ele se olhou no espelho, e quando percebi que estava olhando, coloquei a mão na minha bucetinha e enfiei os dedos dentro, molhei e tirei, fiquei babando e chupei os dedos e minhas coxas já estavam pegajosas e eu estava me socando por vingança porque imaginei que ele não teria coragem de fazer nada mas eu sei que não podemos duvidar de nada, ‘’ idiota, veja que minha filha esta dormindo, coloque os braços para trás entre minhas pernas ‘’ Ele colocou as mãos nas minhas coxas e eu queria ser uma puta e me estiquei para frente no banco para facilitar que suas mãos alcançassem minha buceta molhada e eu abri os lábios da minha buceta com as mãos e depois enfiei um dedo mindinho lá , embora a música estivesse alta, parecia ouvi-lo me metendo, minha buceta molhada esfregando contra seus dedos, até que alguns minutos depois, pensei, com medo de que Andrea acordasse, e ele segurou suas mãos, cheirou, chupou o polegar, e continuou a dirigir. Ele me acariciou de leve e enfiou os dedos, me olhava o tempo todo pelo espelho, demorou meia hora, ou um pouco mais, na estrada de terra até chegarmos na cidade que precisávamos entrar. Ela acordou e Me acalmei e depois de mais 40 minutos chegamos na nossa cabine, um escritório, uma sala, cozinha, banheiro e dois quartos, descarregamos tudo, pagamos por isso pagamos os funcionários e os liberamos, Estávamos só nós três na estância, era fim de tarde, tomamos chimarrão, depois fizemos uma caipirinha, resolvemos jantar, Andria foi ao banheiro, ele veio por trás de mim enquanto eu cortava as verduras e me abraçou, ele sussurrou no meu ouvido, vou foder a sua filha à noite, e depois saiu para preparar mais repolho, e então depois foi para o chuveiro. O cachorro me disse que ia comer o cu da minha filha, só que me deixou com tesão quando me abraçou com uma pegada firme.

Jantamos e tomamos uma cerveja e depois fomos para a frente da cabana e ficamos no jardim ouvindo música e bebendo e minha filha e eu dançamos e ele apenas nos observava e decidimos ir para a cama porque tínhamos tido um dia cansativo. Fui para a cama de pijama e sem calcinha e depois de uns 15 minutos comecei a ouvir gemidos do quarto ao lado, estava iluminada e minha filha parecia uma gata no cio gemendo tanto, minha curiosidade é mil, comecei a me tocar, já estou com a bucetinha de fogo, estava quente e a janela estava aberta e resolvi pular pela janela e ouvir com atenção, ou se tivesse sorte talvez conseguir ver, estava escuro, de noite, e fui até a janela, que também estava aberta, e vi o Zé deitado nu e minha filha montada no pau dele, ela cavalga com o pau socado, ele dá um tapinha no rosto dela, ela parece excitada e pede para foder o cu dela, ele por sua vez pede para fazer isso antes de gozar, Ele acabou com a minha filha com aquele pau grande e grosso. Eu me escondo, estou sem fôlego, eu olho novamente e vejo ele colocar o pau na bunda dela, esfregar o pau em sua pequena xota, abrir a bunda e cuspir em seu cuzinho, metendo seu pau novamente, ela gritou quando ele socou a entrada.

Acho que ele esqueceu que eu dormia no quarto ao lado do dele, já conhecia o safado, a cabeça do pau dele entrou no cuzinho dela, aí ela quis TUDO, ele ficou empurrando, empurrando a mandioca até a bola bater Na bunda dela eu soquei tudo para fora e eu podia ver a bunda dela bem aberta e agora eu estou me masturbando como uma louca especialmente quando eu vejo a bunda dela bem aberta e imaginando aquele pau gostoso em mim, ele disse que ia inundar a bunda dela com esperma mas ela safadinha pediu para sentar no pau, ele deitou na cama, minha filha veio, se agachou e colocou o pau na bunda dela, e eu vendo tudo.


Quando ele estava todo penetrado, ela rolou habilmente, uau, eu mal conseguia respirar só de olhar, a safada também fez ele chamar ela de puta e dar um tapa na cara dela, ele repreendeu ela, ela pediu mais, mas agora ela pede para foder o rabo dela.

A cabeça entra imediatamente e faz desaparecer o rabo, como pode engoli-la assim? Quando ele empurrou tudo, a gritaria dela rolou, uau, eu mal conseguia respirar, safada, deixar ele chamar ela de puta, dar tapa na cara dela, e como ela se contorce assim ele acaba gemendo alto e soltando a porra por dentro, ela ainda continua dando umas três ou quatro antes de começar a tirar da bunda dela. Ela se levantou, merda escorrendo de sua bunda, eu mal conseguia andar, mas consegui rastejar de volta para fora da janela para me deitar, então ouvi o chuveiro ligar e finalmente peguei uma escova de cabelo da cabeceira da mesa e enfiei o cabo no meu corpo, molhando minha bucetinha encharcada, enfiando a ponta no cu, já estou me masturbando com a escova,

Mas nunca coloquei nada no cu e quando fui me masturbando aos poucos enfiei tudo e fiquei ali sonhando tanto que não vi a porta aberta e esqueci de trancar, aliás, nunca tranquei a porta do meu quarto quando estávamos na fazenda, quando percebi que ele estava me espionando, me assustei, fiz uma cara de pervertida, O cara se aproximou de mim com aquele pau semi-duro, ouvimos o chuveiro fechando, ele saiu rapidamente do quarto.


Acordei no dia seguinte e descobri que a cozinha já estava lotada, abri uma fresta e vi que o Zé já estava de pé, usando só bombacha e alpargatas fazendo chimarrão, resolvi colocar calcinha e roupão de seda, fui para o banheiro entre os dois quartos, tomo banho, penteio o cabelo e saio, vou para o quarto onde minha filha Andrea dormia em um sono profundo, e sinto aquele cheiro de sexo…

Saí e perguntei se ele precisava de ajuda na cozinha e eram 6:00 e ele me olhou da cabeça aos pés e disse que não precisava de nada, então comecei a fazer café e me sentei na mesa e ele me disse que iria alimentar os cavalos no galpão, vamos usá-lo para um dia de trabalho, eu o faço esperar dizendo que vou junto com ele, coloquei uma calça de moletom, camisa e fomos para o galpão (celeiro), ele anda atrás eu aproveito para andar rebolando mais do que de costume ao andar, entramos no galpão, ele me agarra por trás, eu digo, insisto não, digo não, mas eu queria um pau, era só um charme. Já senti aquele pau enorme esfregando na minha bunda e lembro dele entrando na bunda da minha filha e quando ele beijou meu pescoço eu cedi, ele me abraçou e colocou a mão na minha calcinha, minha buceta molhada, começou a me dedar…

Me debrucei sobre a mesa de madeira perto da janela, de propósito, de onde ele pode pegar a visão da casa, quem sabe se ele fodeu uma ou duas das minhas filhas lá e então ele rapidamente puxou minha calça e calcinha entre as minhas pernas, fiquei exposta, minha bunda nua ficou à mercê dele, e ouvi desabotoar a calça e então eu senti aquele pau duro e doce andando entre as tiras da minha bunda, e logo ele foi forçando pelo meio dos lábios da minha vagina, e como eu estava encharcada de desejo, o passar da cabeça do pau dele foi fácil, entrou com tudo me fazendo gemer baixinho, não aguentei o tranco, minha buceta abriu igual uma flor.


Ele puxando meu cabelo, me prendeu em seu pau grosso e me teu fundo e aos poucos eu comecei a rebolar o seu pau dentro da minha bucetinha…. uau eu estava delirando e feliz por aquele pau gostoso e agora estou dando minha buceta para meu genro… Mordi uma camiseta com força pois não podia gritar gemendo com aquele pau gostoso, eu gemia alto, mas eu estava com mais vontade de rebolar, e quando eu estava prestes a gozar, ele disse que queria colocar aquela pica no meu cuzinho, acabei cedendo….


- coloque só a cabecinha no meu CU;



Enquanto isso, tirou o pau da minha buceta molhada e pingando, se agachou atrás de mim, lambeu minha bunda, cuspiu algumas vezes, e enfiou no meu cu, vejo que não tem mais saída, afinal, eu mesmo que tinha pedido aquilo…

Falando coisas obscenas para mim, ele apertou a minha bunda, enfiou tudo, doeu, eu pensei em parar, mas a maneira que ele metia em mim, eu não conseguia parar… Quando o pau entrou, arrombou tanto, senti um fogo na bunda, comecei a gemer de dor, pedi calma, doeu, ele pensou vendo a dor que eu sentia me disse que ia tirar, e tirou, mas fui corajosa, disse a ele para enfiar o pau no meu cu novamente e ele enfiou fácil, desta vez nem doeu tanto com aquele pau grosso me invadindo, meteu até o fundo da minha bunda, meu cu pegando fogo, ele me deixou rebolar novamente acariciando minha buceta…


Ele foi ao nosso banheiro no galpão entre os dois quartos e disse que ia se lavar, coloquei minha calcinha e calça de moletom e fui direto para casa tomar banho, no dia seguinte, água escorria pelo meu corpo e eu me sentia toda molhadinha, uma puta, mas vi sangue escorrendo pela minha bunda, passei as mãos sobre ele, e me senti realizada, embora tudo tenha sido apressado, saí do chuveiro para encontrar minha filha que acordou e perguntou onde meu namorado estava e eu disse que ele estava cuidando do cavalo e que depois viria tomar café conosco. Até hoje nem desconfia de nada. Espero eu rsrsrs…

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Confira mais publicações nossas logo abaixo:


👉🏾 MULHERES E ANAL


👉🏾 RELATOS DE UMA ACOMPANHANTE - PARTE 1


👉🏾 HOMENS OU MULHERES SENTEM MAIS PRAZER ?


👉🏾 O QUE FAZER PARA NÃO GOZAR RÁPIDO


👉🏾 PORQUE CONTRATAR UMA ACOMPANHANTE ?


👉🏾 HOMENS PRECISAM DE UM TEMPO ANTES DE ''DAR MAIS UMA''


👉🏾 BRASÍLIA LIDERA O RANKING DE TRAIÇÃO NA PANDEMIA


👉🏾 OS SUGAR DADDY MAIS RICOS DO BRASIL ESTÃO EM BRASÍLIA


👉🏾 SIGLAS DO PORNÔ


👉🏾 AS BRASILEIRAS SÃO AS QUE MAIS CONSOMEM FILMES PORNÔ


👉🏾 FATOS SOBRE AS CAMISINHAS


👉🏾 MASSAGEM TÂNTRICA - CORPO E SENSUALIDADE


👉🏾 OS TIPOS DE PORNOGRAFIA QUE OS BRASILEIROS MAIS GOSTAM DE ASSISTIR


👉🏾 OS HOMENS POSSUEM DESEJO SEXUAL MAIS FORTE DO QUE AS MULHERES ?

👉🏾 BDSM PARA INICIANTES


👉🏾 PORNOGRAFIA DEMASIADA ESTIMULA O MACHISMO ?


👉🏾 PRÁTICAS SEXUAIS MAIS COMUNS


👉🏾 5 COISAS QUE A CIÊNCIA DIZ SOBRE O SEXO ANAL


👉🏾 SEXTING - ENTENDENDO O PRAZER DO SEXO VIRTUAL


👉🏾 SAIBA O QUE É E COMO FUNCIONA O ANEL PENIANO


👉🏾 SHIBARI - TÉCNICA JAPONESA - BDSM


👉🏾 GOZAR NA BOCA, COSPE OU ENGOLE?


👉🏾 7 PRODUTOS PARA APIMENTAR A RELAÇÃO


👉🏾 COMO APROVEITAR O DIA DOS NAMORADOS SENDO SOLTEIRO


👉🏾 DESCUBRA QUAIS SÃO OS MELHORES MÉTODOS CONTRACEPTIVOS


👉🏾 7 MITOS E VERDADES SOBRE O SÊMEN


👉🏾 CONHEÇA OS BENEFÍCIOS DA MASTURBAÇÃO


👉🏾 MANUAL DA RAPIDINHA


👉🏾 XINGAMENTOS NA HORA DO SEXO


👉🏾 SAIBA TUDO SOBRE BONDAGE


👉🏾 A CAMISINHA RETARDANTE FUNCIONA?


----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Confira As Mais Belas Garotas de Programa / Acompanhantes de Curitiba.


ACP CURITIBA

29 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Confira nesse POST conosco do ACOMPANHANTES CURITIBA ( RELATO: VELAS E DESEJO ) RELATO: VELAS E DESEJO Tem coisas que somente a vida desportiva pode oferecer. Eu costumava ir a uma área de santos a um