top of page
  • Foto do escritorCWB SEXY

Por que problematizam tanto a masturbação feminina?

Atualizado: 7 de mai. de 2023

Muitas pessoas ainda consideram a masturbação feminina como uma prática moralmente incorreta ou até mesmo ofensiva. No entanto, a masturbação é uma prática saudável que pode trazer muitos benefícios tanto físicos quanto psicológicos para as mulheres. Além disso, a masturbação feminina pode ajudar as mulheres a obter maior satisfação sexual e maior autoconhecimento. Por esses motivos, é importante entender por que tanta insistência e problematização em torno da masturbação feminina.


O que explica o receio com relação à masturbação feminina é o fato de que o sexo feminino ainda é historicamente estigmatizado e desvalorizado nos dias atuais. Existe uma grande resistência em relação à masturbação feminina, pois ela é frequentemente interpretada como uma negação dos papéis de gênero estabelecidos pela sociedade. Por esta razão, mulheres que expressam interesse por masturbação são frequentemente julgadas e criticadas.


Além disso, a problematização da masturbação feminina também é fortemente influenciada pelo fato de que a masturbação é frequentemente associada ao argumento de que mulheres não precisam de homens para obter satisfação sexual. Esta ideia viola ainda mais os padrões sociais que limitam o papel das mulheres em relação aos homens.


No entanto, é importante lembrar que não existe nada de mal ou de perigoso em se masturbar. A masturbação é uma prática saudável que pode ajudar as mulheres a alcançar maior satisfação sexual e maior autoconhecimento. É importante que as mulheres sejam livres para explorar sua sexualidade sem medo de julgamento e críticas. Assim sendo, problematiz


1 - Não existe problema em se masturbar


Masturbar-se tem sido alvo de tabu e vergonha social durante séculos, mas não há nada de errado em se masturbar. O ato de masturbar-se é completamente normal, saudável e permite que você experimente o prazer sexual sem o compromisso de outra pessoa. A masturbação é uma ótima forma de conhecer o que lhe dá prazer sexualmente, além de que é seguro e saudável e não tem nada de errado com isso. É absolutamente normal desejar satisfazer seu próprio prazer sexual e não existe problema em se masturbar.


No entanto, use sempre lubrificantes e brinquedos eróticos apropriados se quiser usar brinquedos eróticos, para evitar problemas médicos e garantir segurança. Além disso, experimente diferentes técnicas e posições durante a masturbação para obter o máximo de experiência, além de permitir que você descubra o que lhe dá prazer. Masturbar-se também pode ajudar a reduzir o estresse, melhorar o humor, aliviar a dor e, a longo prazo, melhorar sua saúde sexual. Como resumo, não existe problema em se masturbar. É saudável e seguro e uma


- Curiosidades sobre a masturbação que você precisa saber


1. Pessoas com vulva se masturbam sim!


Muitas pessoas acreditam que as pessoas com vulva não se masturbam, como se o ato sexual estivesse negado a elas por conta de suas condições. No entanto, isso é um erro e as pessoas com vulva são tão propensas a se masturbar quanto qualquer outra pessoa.


Devido às dificuldades físicas, pode ser difícil que as pessoas com vulva tenham relações sexuais com um parceiro. A masturbação é a melhor forma de autocuidado e ajuda a aliviar qualquer tensão sexual. Embora a masturbação possa não ser uma questão de vida ou morte, pode ser um fator significativo na qualidade de vida de uma pessoa.


A masturbação é uma alternativa natural para as pessoas com vulva ao longo de toda a sua vida. Existem muitos dispositivos e acessórios criados para ajudar às pessoas com vulva a se masturbar e a melhorar a sua experiência. É importante notar que a masturbação não é algo que as pessoas com vulva têm que fazer, mas é algo que elas podem desejar ou experimentar para melhorar o seu bem-estar emocional e físico.


2. A masturbação ajuda com a cólica menstrual


Masturbação pode desempenhar um papel importante na alívio das cólicas menstruais. Estudos recentes têm vindo a descobrir que a masturbação regular pode ajudar a reduzir significativamente a intensidade das cólicas menstruais experimentadas por algumas mulheres. A masturbação ajuda com as cólicas, já que estimula a produção de endorfinas, neurotransmissores químicos que atuam como analgésicos naturais e dão energia positiva para o sistema nervoso, produzindo uma sensação de bem-estar.


Além disso, a masturbação ajuda com as cólicas, porque alivia o estresse e a pressão, o que é importante para todos os tipos de dor crônica O relaxamento gerado pela masturbação pode ser particularmente útil para as cólicas menstruais, pois ajuda a reduzir a tensão muscular e a pressão que geralmente se acumula no abdômen.


Por isso, a masturbação pode ser uma ótima opção para mulheres que sofrem com cólicas fortes quando tiverem a sua menstruação. Além disso, as mulheres podem usar a masturbação como forma de autocuidado durante outros momentos do seu ciclo menstrual, como um momento para relaxar e se reconectar com o seu corpo. Por fim, recomendamos que as mulheres experimentem a masturbação como uma forma de saber quais são os seus gostos e necessidades na cama, o que pode trazer benefícios importantes para o seu relacionamento.


3. Se masturbar é uma tática pra dormir mais cedo


Masturbar-se é uma prática cada vez mais comum entre os adultos, embora muitas vezes não seja uma discussão aberta. É por isso que muita gente não sabe que se masturbar pode ser uma tática muito eficaz para conseguir dormir mais cedo. De acordo com os especialistas, masturbar-se pode ajudar a aliviar a ansiedade e a tensão, que são dois dos principais fatores que dificultam o sono. Além disso, a química do nosso corpo também muda quando nos masturbamos: a endorfina é liberada, causando relaxamento e bem-estar; além disso, a oxitocina (ou "hormônio do amor") é produzida, ajudando a atingir uma sensação de calma. Se masturbar também desacelera o ciclo de pensamentos que a mente pode ficar presa, o que também ajuda a relaxar e a dormir mais cedo. Se você está tendo dificuldade com o sono, tente masturbar-se e veja se isso ajuda a ter uma boa noite de sono.


4. Quase metade das mulheres cis preferem a masturbação ao sexo


Quase metade das mulheres cis do mundo preferem a masturbação ao sexo, segundo um estudo da Universidade de Boston. O estudo, que foi publicado no Jornal da American Academy of Sexuality Education, descobriu que quase 47% das mulheres cis preferiam a masturbação a ter relações sexuais com outra pessoa. O estudo incluiu a participação de 8.000 mulheres de diferentes partes do mundo, pesquisando suas preferências sexuais. Os resultados mostraram que a grande maioria das mulheres preferem se masturbarem em vez de se envolverem em relações sexuais com outras pessoas. Os pesquisadores também descobriram que a masturbação é vista como "mais segura" do que a prática de sexo com outra pessoa. Além disso, foi constatado que a masturbação é um excelente meio para as mulheres experimentarem o prazer sexual. Os resultados deste estudo mostram que as mulheres preferem a masturbação aos relacionamentos sexuais com outras pessoas, e isso é algo que deve ser reconhecido e respeitado. É importante que as mulheres se sintam seguras e confortáveis ao tomar suas próprias decisões ao escolher como desejam satisfazer sua vida sexual.


5. Os sex toys podem ser mais úteis do que você pensa


Os sex toys estão se tornando cada vez mais populares nos últimos anos. Embora sejam conhecidos principalmente como brinquedos para crianças, eles também podem ser úteis para adultos. Estes brinquedos inteligentes podem ajudar a melhorar a produtividade, reduzir o estresse e até mesmo aprimorar a saúde. Os sex toys podem ser usados para ajudar as pessoas a se concentrarem em seus objetivos, se tornarem mais organizadas e até a melhorar o sono. Eles não apenas ajudam a aliviar o estresse, mas também podem aumentar o humor, tornando-o mais útil para adultos do que apenas para as crianças.


Os sex toys também podem ajudar a trabalhar a capacidade de lembrar de informações, pois eles são criados pensando nisso, melhorando as habilidades cognitivas. Por meio de exercícios mentais simples e divertidos, os sex toys podem ser muito úteis para o cérebro de qualquer pessoa. Enquanto os sex toys são conhecidos como brinquedos para crianças, eles também podem ser muito úteis para adultos se usados de maneira inteligente. Estes brinquedos inteligentes podem ser usados para melhorar a produtividade, reduzir o estres


- Passo a passo da masturbação feminina


1. Perca a vergonha de se masturbar


Se masturbar não é apenas sobre o prazer físico, mas também sobre o autoconhecimento. É comum, entre os adultos, achar que se masturbar é algo que pessoas adolescentes fazem, mas isso está longe de ser a verdade. Masturbação é algo que todos devem experimentar ao longo de suas vidas para se conhecer melhor e, desta forma, se tornar melhores amantes. Na verdade, se masturbar é uma forma de praticar as habilidades que você usará com seu parceiro.


Quanto mais você se masturbar, melhor vai ser sua experiência sexual ao longo de sua vida. Uma das principais razões pelas quais as pessoas evitam a masturbação é por causa de seus próprios padrões sociais. No entanto, desmistificar essa ideia é crucial para permitir que as pessoas aproveitem ao máximo seu próprio corpo e todas as coisas que ele pode oferecer.


Assim, ao se masturbar, você pode poupar-se de se sentir vergonha ou culpa, pois é parte da natureza humana. Além disso, ao praticar a masturbação, você estará descobrindo qual é a melhor maneira de satisfazer seu parceiro, uma vez que você já sabe qual é o seu próprio corpo e o que te dá mais prazer. A masturbação é fundamental para a realização sexual, então, não há nenhuma vergonha em explorar a si mesmo e experimentar novas sensações. Se você ainda se sente inseguro a respeito daquilo que descobre ao se masturbar, é importante apenas se lembrar de respeitar seus limites e se divertir no processo.


2. Conheça o seu corpo ao se masturbar


Masturbação é uma prática que remonta aos primórdios da humanidade e foi considerada pecaminosa durante séculos. Apenas nos últimos anos, a abordagem à masturbação tem se tornado menos repressiva, e hoje é vista como um momento de descoberta e conhecimento de seu corpo.


Agora, mais do que nunca, existe consciência para desfazer os mitos sobre a masturbação e incentivar as pessoas a conhecerem melhor seus corpos. A masturbação não tem apenas a função de lhe dar prazer, mas também serve como um meio para aprender o que o excita e o que o deixa satisfeito.


Além disso, praticar masturbação tem outros benefícios, como a redução dos níveis de estresse e a melhora da autoestima. Isso significa que a prática pode ajudar a melhorar a qualidade do seu sono, a reduzir a ansiedade e a aumentar sua confiança.


Conhecer seu corpo ao se masturbar é o primeiro passo. Por isso, dedique-se ao desenvolvimento de conhecimentos sobre suas zonas erógenas, e experimente diferentes técnicas para entender seu próprio corpo e produzir satisfação. Além disso, configure seu ambiente, crie sua própria lista de reprodução e informe-se sobre os diferentes tipos de brinquedos sexuais que podem ser usados. Dessa forma, você poderá descobrir como maximizar seu prazer.


Por fim, lembre-se de que você não deve se sentir pressionado a atingir o orgasmo, mas sim desfrutar o seu corpo e permitir que ele lhe diga o que é melhor para si. A masturbação é uma oportunidade para se divertir, descobrir o que o excita e desenvolver habilidades para o sexo. Portanto, liberte-se e aproveite o momento para conhecer melhor o seu próprio corpo ao se masturbar.


3. Comece a explorar sua sexualidade se masturbando


A masturbação é um tema que abrange muitos aspectos da sexualidade humana. Explorar a sua sexualidade através da masturbação é essencial para as pessoas conhecerem e entenderem suas próprias necessidades e desejos sexuais. É também importante para que aprendam quais são os seus limites, sejam eles de segurança, bem-estar ou conforto. Masturbar-se é uma das melhores maneiras de explorar a sua sexualidade. Mas, como se começa?


Uma das melhores maneiras de começar a explorar a sua sexualidade é conhecer o seu próprio corpo. Comece por sentir a sua própria textura, descobrir quais partes de seu corpo são mais sensíveis. Experimente maneiras diferentes de tocar o seu corpo, se sinta confortável. Uma vez que você sentir a sua própria pele e compreender como responde aos estímulos, investigue outras maneiras de se masturbar.


Ao tentar algo novo, você pode descobrir novas sensações para explorar. Experimente diferentes óleos e cremes, troque de ritmo e velocidade, experimente apertar lugares diferentes ou usar brinquedos sexuais. Se masturbar é também uma ótima maneira de desenvolver o conhecimento sobre o seu próprio desejo sexual. Experimente visualizar diferentes situações e veja quais delas estimulam você mais.


Também é importante não colocar pressão na hora de se masturbar. O que é certo para outra pessoa, não é necessariamente certo para você e vice-versa. Esta é a melhor maneira de explorar a sua sexualidade, assistindo a filmes e ler contos eróticos também podem ajudar.


Descobrir como se sente confortável e quais são as maneiras desejáveis ​​de explorar sua sexualidade é o melhor caminho para alcançar o orgasmo. Se masturbar é uma ótima maneira de começar a explorar sua sexualidade, mas é importante encontrar a maneira certa para você. Seja paciente, explore seu corpo e aprenda quais são as maneiras mais prazerosas de se satisfazer sexualmente.


4. Crie um ambiente relaxante e que te agrade


Masturbação é um ato comum entre adultos, isso não é segredo para ninguém. Quando se trata de encontrar um ambiente relaxante e que te agrade, onde você possa se masturbar, muitas pessoas não sabem por onde começar. Por isso, queremos te ajudar a criar um ambiente favorável, para que você possa desfrutar ao máximo.


O primeiro passo é encontrar um lugar calmo e silencioso, longe de qualquer forma de distração. Pode ser no banheiro, no quarto ou em qualquer outro lugar em que você se sinta à vontade. Lembre-se de que o ambiente deve ser calmo, então desligue o celular e livre-se de qualquer distração.


Uma vez que você encontrou seu lugar favorito, agora é hora de criar seu próprio ambiente relaxante. Você pode espalhar almofadas pelo chão, arrumar as luzes e adicionar um toque pessoal para torná-lo ainda mais confortável. Isso inclui aromaterapia, lençóis confortáveis, música relaxante e outras coisas que te levem à tranquilidade.


O próximo passo é encontrar um objeto estimulante para ajudar a alcançar o prazer máximo. Se você estiver em um lugar seguro, use o seu corpo para experimentar novas sensações. Você também pode optar por usar brinquedos sexuais, como vibradores ou masturbadores, para ajudar a alcançar o orgasmo.


Uma vez que você encontrou o ambiente que lhe agrada para se masturbar, você pode começar a explorar maneiras de relaxar e de chegar ao clímax. Se nos dá um tempo para nos focarmos no nosso corpo, nosso pensamento e nos nossos desejos, alcançaremos níveis desconhecidos de satisfação. É hora de dar-se um tempo e aproveitar os momentos de prazer!


5. Conheça sua região genital ao se masturbar


Masturbar-se é uma atividade saudável que todos devem experimentar pelo menos uma vez na vida. Isso é especialmente verdadeiro para aqueles que não estão em um relacionamento amoroso e não têm experiência em sexo seguro. Porém, muitas pessoas não são conscientes de que sua região genital é muito complexa e desconhecem seus potenciais, por isso é tão importante que conheçam sua região genital antes de se masturbar. Ao passar um tempo estudando essa área do corpo, você pode descobrir novas maneiras de se divertir durante a atividade, além de aproveitar novas sensações que provocam um orgasmo mais intenso e prazeroso. De modo geral, conhecer sua região genital antes de se masturbar ajudará você a obter maior satisfação durante a masturbação.


Comece explorando seus lábios vaginais. A região é comumente chamada de "monte de Vênus" ou "prédio". Pressione-o suavemente para sentir seu tomado. Você sentirá uma vibração se apertar de leve, o que é indicativo de que você está experimentando um orgasmo. Em seguida, vá para seu clitóris. Ele é normalmente encontrado na parte superior dos lábios vaginais. Pressione-o com a ponta dos dedos e escove-o em círculos para estimular o prazer. Se você quiser experimentar sensações únicas, você pode comprar um dispositivo estimulador com direcionamento para o clitóris e usar o ajuste correto para obter o máximo prazer.


Além dos lábios vaginais e do clitóris, é importante se familiarizar também com sua abertura vaginal. Você sentirá uma vibração quando for pressionado. É possível também estimular os músculos internos da vagina com um movimento de vai e vem. Esta técnica, chamada Kegel, proporciona resultados impressionantes quando feita regularmente. Isso ajuda a fortalecer os músculos internos da vagina, permitindo que você obtenha melhores orgasmos.


A área genital feminina é muito delicada e sensível, por isso, sempre que possível, use lubrificação para não causar nenhum desconforto desnecessário. Lembre-se de preservar sua saúde ao mesmo tempo em que descobre seu corpo. Use sempre preservativos de qualidade para se proteger de doenças sexualmente transmissíveis e gravidez indesejada. Portanto, conheça sua região genital ao se masturbar e terá um prazer muito maior.


----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


3 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page